Leia mais...

Leia mais...

A paciência e os cuidados são fundamentais no pós-operatório. Ao longo de alguns meses você poderá ver um resultado mais natural e definitivo.
Complicações pós operatórias são raras, devido ao preparo realizado no pré-operatório, e os cuidados oferecidos durante e após a cirurgia.
A cirurgia plástica é um dos caminhos para conquistar mais autoconfiança e melhorar sua qualidade de vida. Converse sobre suas expectativas com seu médico e veja o que realmente pode ser feito no seu caso pois a perfeição não existe, porém os resultados valem a pena.
Juntos poderão discutir as técnicas cirúrgicas existentes e as mais indicadas para o seu caso, pois há de se respeitar sempre a anatomia de cada pessoa. Não existe cirurgia plástica sem cicatrizes. Cada pessoa tem um processo de cicatrização diferente e não depende do médico e sim do organismo.
Você deve buscar o melhor resultado dentro da sua realidade, sem expectativa de ficar parecido com alguém famoso ou que você admira.
Leia mais...

Leia mais...Com a idade, a pele perde parte de suas fibras colágenas e elásticas, tornando-se flácida, enrugada, sem brilho e maciez. Os tecidos profundos também sofrem com o envelhecimento e fatores como a ação da gravidade promovem a queda da gordura da face e mudam o formato do rosto.

Na juventude, a região malar é volumosa e iluminada. A região inferior dos olhos é bem preenchida e o contorno mandibular definido. Assim, a face tem uma formato de triângulo com o ápice para baixo, já na fase envelhecida, é possível notar uma queda nos tecidos faciais.

Com o deslocamento da gordura malar, a região inferior dos olhos perde volume, forma-se o sulco nasolabial, conhecido como o bigode chinês. A região da mandibula perde sua definição e o pescoço torna-se flácido.

O Lifting facial é uma cirurgia eficaz no rejuvenescimento da face. A técnica propõe o reposicionamento dos volumes faciais e a retirada da flacidez de pele, atenuando rugas e sulcos. É indicada para pessoas de idade avançada e grande envelhecimento facial.

Conheça a fundo estas mudanças pelo vídeo abaixo:

Leia mais...

A cirurgia contra enxaqueca conta com inúmeros estudos e demonstra ótimos resultados mas no momento não foi liberada no Brasil.

O tratamento da enxaqueca crônica envolve processos cerebrais e às vezes de difícil controle. Recentemente o Dr. Paulo Renato esteve num trabalho conjunto nos EUA onde realizaram cirurgias de enxaqueca. O procedimento é uma novidade e ainda não foi liberado no Brasil.

A cirurgia de enxaqueca envolve o alívio da pressão sobre vários ramos do nervo do trigêmio. Em muitas pessoas, é a interação do músculo corrugador e do nervo do trigémio que origina o ataque de enxaqueca. O músculo corrugador está situado acima das sobrancelhas e é um dos músculos responsáveis pela formação das rugas entre as sobrancelhas e outras expressões nesta parte do rosto. Parte do nervo do trigémio atravessa o músculo corrugador; como consequência da irritação do nervo, desencadeia-se uma cadeia de efeitos que pode culminar numa crise de enxaqueca.

A cirurgia de enxaqueca envolve o alívio da pressão sobre vários ramos do nervo do trigêmio. Em muitas pessoas, é a interação do músculo corrugador e do nervo do trigémio que origina o ataque de enxaqueca. O músculo corrugador está situado acima das sobrancelhas e é um dos músculos responsáveis pela formação das rugas entre as sobrancelhas e outras expressões nesta parte do rosto. Parte do nervo do trigêmio atravessa o músculo corrugador; como consequência da irritação do nervo, desencadeia-se uma cadeia de efeitos que pode culminar numa crise de enxaqueca.

As zonas-gatilho nas têmporas podem ser tratadas por cirurgia com base no mesmo princípio. A pressão é aliviada no nervo correspondente, por meio de cirurgia laparoscópica, acedendo o cirurgião ao nervo pela secção da têmpora que está coberta pelo cabelo. Uma terceira possibilidade é aliviar a pressão num nervo localizado no pescoço.

É de vital importância que cada caso seja examinado individualmente e que cada paciente se submeta a um teste da toxina botulínica (Botox), antes de se decidir se pode ser selecionado para o procedimento cirúrgico. Se os sintomas da enxaqueca apresentarem uma melhora superior a 50 por cento nas primeiras oito semanas após a injeção da toxina botulínica, isto será um indicador prognóstico positivo do sucesso da Cirurgia de Enxaqueca.

Além do alívio dos sintomas da enxaqueca, o paciente notará que as rugas entre as sobrancelhas se tornam mais suaves, desaparecendo inclusive na maioria dos casos.