chin implantAntes parecia impossível mas hoje podemos melhorar a aparência de um rosto com os implantes faciais. Pessoas com queixo pequeno, mandíbula pouco marcada ou falta do contorno facial pode se submeter à cirurgia e melhorar sua aparência.

A aparência do seu rosto é determinada por três componentes básicos: pele, tecidos moles e ossos. Se a estrutura do seu rosto é desproporcional, estas características podem afetar significativamente a sua autoimagem. Um exemplo é quando se tem o queixo (mento) rebaixado, a mandíbula indefinida ou bochechas planas.

Para  ter um equilíbrio estrutural em seu rosto e uma aparência mais atraente, é necessário que haja características faciais definidas, contornos visíveis e ângulos naturais que sejam proporcionais.

Qualquer área do seu rosto possa ser aumentada com implantes, as maçãs do rosto, o queixo e a mandíbula são os locais mais comuns para receber implantes faciais. Os implantes faciais trazem equilíbrio e melhor proporção para a aparência estrutural do rosto. Eles definem o rosto, aumentam a projeção e criam características mais distintas.

Indicações dos Implantes Faciais

A cirurgia é indicada se realizada em pessoas cuja cabeça e crânio atingiram a maturidade física, o que ocorre, geralmente, no final da adolescência.

Implantes faciais são confeccionados a partir de material biocompatível projetados para melhorar ou aumentar a estrutura física do seu rosto. O tipo e o tamanho precisos dos implantes mais adequados para você requerem avaliação de seus objetivos, das características que deseja corrigir e avaliação do seu cirurgião. Existem várias regiões que podem receber implantes faciais, as principais são as elencadas abaixo.

Implantes de queixo

aumentam o tamanho e a projeção de um queixo que não se projete em proporção com a testa e terço médio da face. Pessoas com queixo pequeno, muitas vezes, são definidas como aquelas que apresentam o queixo e o pescoço como uma só estrutura, sem definição, sendo um o prolongamento do outro.

Implantes de mandíbula

aumentam a largura do terço inferior do rosto. Da mesma maneira que o queixo, uma mandíbula que não seja demarcada dá a mesma impressão de continuidade estrutural com o pescoço. Em alguns casos, tanto o queixo quanto a mandíbula podem contribuir para o desequilíbrio facial.

Implantes de bochecha

aumentam a projeção das maçãs do rosto, acrescentando volume.